Guia de Raças: Gato Savannah

O gato savannah é uma raça cheia de peculiaridades. Com visual exótico e razoavelmente selvagem, este gato destaca-se pela beleza e pelo nível de atividade. Curioso, divertido e aventureiro, o gato savannah não é exatamente afeito ao colo humano, mas é uma excelente companhia para quem busca lealdade e afeto mais independente.

Saiba mais sobre essa interessante raça, e tudo que há de mais importante a respeito das características, personalidade e cuidados relativos ao gato savannah:

História e origens

O gato savannah foi documentado pela primeira em registros históricos apenas em 1986, não havendo registros sobre possíveis cruzas anteriores. Neste ano, um criador de gatos cruzou uma gata siamesa fêmea com um Serval – felino africano de porte maior.

Um dos filhotes, já com a aparência conhecida atualmente, foi nomeado de Savannah, dando origem à linhagem atualmente conhecida. A fácil capacidade de reprodução e o estado de saúde de um Serval permitiu a criação do gato savannah como uma raça saudável e admirável, ideal para diversos tipos de situação.

O reconhecimento do gato savannah como raça ocorreu apenas em 1996, pela International Cat Association.

Aspectos físicos

Fisicamente, o gato savannah pode ser considerado mais próximo de um felino selvagem de pequeno porte do que de um gato doméstico. É exatamente essa aparência incomum que configura uma das principais características físicas da raça, que parece mais próxima de seus ancestrais do que a maioria dos gatos.

Seu padrão de pelagem, por exemplo, é dotada de várias pontos escuros sobre colorações acinzentadas ou douradas, de forma semelhante a uma onça pintada, por exemplo. Há, ainda, colorações distintas, com manchas menos concentradas ou cores mais esbranquiçadas. O padrão de colorações contrastante e repetida pelo corpo, no entanto, é obrigatório para a definição da raça.

Quando à estrutura do corpo, são bastante destacados seu pescoço e pernas compridas, assim como o corpo magro e atlético, complementado por um rabo mais curto e espesso. Isso faz com que muitas pessoas pensem, erroneamente, que o gato savannah é uma espécie grande, por rapidamente associar a aparência a felinos de maior porte. Na prática, no entanto, trata-se de um gato de porte médio e peso intermediário-leve, considerando que é razoavelmente mais magro que a maioria.

Personalidade e temperamento típico

O gato savannah é curioso e muito ativo, e sempre está em busca de aventura e atividades – especialmente se houver espaço externo suficiente para gastar essa energia. Mesmo sendo independente e buscando por aventuras externas, a raça exige atenção humana ou de outros gatos, mesmo que não seja fisicamente afetuoso na maior parte de seu tempo.

É o gato ideal para quem busca companhia que não exija colo, mas que goste de brincar e estar por perto com frequência. Além disso, é bastante inteligente, e pode ser facilmente treinado. Outra característica curiosa é o fato de gostar de água e de brincadeiras que a envolvam, o que o diferencia bastante da maior parte dos outros gatos.

Outras brincadeiras razoavelmente incomuns, com pegar objetor ou correr junto aos donos fazem de sua personalidade bastante distinta, sendo um desafio novo até mesmo para quem já está acostumado com gatos em seu cotidiano.

Cuidados e atenção à saúde

Apesar da aparência exótica, o gato savannah é um dos mais saudáveis entre todas as raças. Isso ocorre em função de praticamente não ter havido manipulação genética consciente ou cruzamentos controlados dentro de uma mesma linhagem para desenvolver a raça artificialmente.

Sendo naturalmente descendentes de gatos selvagens, seus problemas de saúde estão mais relacionados a estes ancestrais, o Serval, como a possibilidade de sobrecarga do fígado. Além disso, é necessário oferecer uma dieta especialmente rica em proteínas, para essa raça, bem como restringir mais do que o normal o seu acesso a carboidratos (que devem ser sempre controlados, para todas as raças).

Exceto estes cuidados, o gato savannah é extremamente saudável e resistente, livre de doenças tipicamente associadas a gatos de raça controlada, que desenvolvem propensões genéticas a doenças diversas, em muitos casos.

Leave a Reply

Ad Blocker Detectado

Our website is made possible by displaying online advertisements to our visitors. Please consider supporting us by disabling your ad blocker.

Refresh